13º salário e renda extra de final de ano: mude para o GNV e garanta muita economia

Use o 13º salário e os ganhos extras para fazer a conversão para o GNV e economize pra valer em 2022


O final de novembro chegou e quem trabalha com carteira assinada está com a mão na primeira parcela do 13º salário, que deve ser paga até o dia 30/11. Quem atua como autônomo ou na informalidade também costuma incrementar os ganhos nesta época do ano.

Usar esse dinheiro extra de forma inteligente é driblar as inúmeras tentações do consumo e investir em algo que vai fazer essa grana render.


Mude para o GNV investindo parte do seu 13º salário!

Você faz a instalação do kit gás agora e economiza pra valer ao longo do próximo ano.

Além de ser mais barato nos postos quando comparado com a gasolina e o etanol, o GNV rende mais. Isso sem falar no desconto no IPVA para os proprietários de veículos do Rio de Janeiro que fazem a conversão para o gás.

Veja mais detalhes sobre as principais as vantagens do GNV:

  • Mais economia: Em novembro de 2021, levando em conta os preços médios dos combustíveis no estado do Rio*, o GNV chega a ser 58% mais econômico que a gasolina e 66% mais vantajoso que o etanol. Ou seja, com o gás você vai muito mais longe.
  • Desconto no IPVA: Instalar GNV e registrar essa alteração no Detran-RJ garante 62,5% de desconto no IPVA. Fazendo esse processo ainda em 2021, o motorista tem esse benefício já no próximo ano.
  • Mas para aproveitar o desconto no IPVA já em 2022, é preciso correr. Todo o processo precisa ser realizado nos próximos dias.


    Saiba mais: Garanta desconto no IPVA 2022 com o GNV


    Usar parte do 13º salário para a instalação é uma ótima escolha. O investimento é feito agora, mas os benefícios se estendem por muito tempo.


    Vem pra Inove Gás e mude para o GNV agora

    A Inove Gás te espera em uma de suas dez lojas homologadas no Inmetro para a instalação do kit gás.

    E ainda tem condições especiais de pagamento para facilitar ainda mais a sua instalação de GNV. Entre em contato com o nosso call center e saiba tudo: (21) 2042-3009.


    *Fonte: Sistema de Levantamento de Preços da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

    Assine nossa newsletter