Motoristas profissionais em tempo de coronavírus: como se proteger

O coronavírus é uma ameaça real para todos os cidadãos. Mas, uma categoria acaba ficando muito exposta à infecção, em razão da necessidade de contato com grande número de pessoas: os motoristas profissionais que dirigem táxis ou carros de aplicativos.

Por isso, alguns cuidados são necessários para a preservação da saúde daqueles que trabalham com o transporte de passageiros.

É claro que o ideal seria seguir as recomendações das autoridades de saúde e manter o isolamento social durante o período crítico de transmissão da doença, mas, por questões financeiras, nem sempre isso é possível.

Assim, os motoristas que precisam continuar na ativa, devem ficar atentos a algumas medidas de precaução.

Veja algumas orientações:

  • Sempre que tiver oportunidade, lave as mãos com água e sabão. Se não der, use álcool gel 70% regularmente.
  • Evite colocar as mãos nos olhos, boca e nariz.
  • Limpe com frequência partes do veículo como o volante, painel e a alavanca de câmbio.
  • Atenção também à higienização das portas e áreas de maior contato dos usuários.
  • Higienize até mesmo o celular.
  • Dirija com os vidros abertos sempre que possível.

A 99 criou uma página para orientar motoristas e passageiros com foco na prevenção. Acesse aqui. A empresa anunciou que vai pagar pelo menos R$ 300 ao condutor que contrair o coronavírus, a variar conforme os rendimentos dele nos últimos meses.

Na mesma linha, a Uber está oferecendo assistência financeira durante até 14 dias para os parceiros infectados que tiverem quarentena solicitada por uma autoridade de saúde pública enquanto a conta estiver suspensa.

Ainda assim, vale o reforço: dar uma pausa no trabalho e manter o isolamento é a principal recomendação para estes tempos. É hora de desacelerar pelo bem da própria saúde e pela saúde dos outros. Se for possível, fique em casa!

 

Inove Gás apoia o movimento pela preservação da saúde

 

A Inove Gás suspendeu, provisoriamente, o funcionamento de algumas lojas por conta da situação de emergência. A medida não foi tomada somente para atender às instruções das autoridades, mas principalmente para preservar a saúde de clientes, funcionários e seus familiares.

Nesse período, as demandas de instalação e manutenção estão concentradas em duas filiais: Bonsucesso e Duque de Caxias.

Os clientes e interessados nos serviços podem buscar informações no call center da Inove Gás. Todos os atendentes estão em regime de home office, cuidando da saúde, mas o atendimento telefônico segue normal: de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 17h, e aos sábados, de 8h às 12h. Ligue: (21) 2042-3009.

Assine nossa newsletter